Campus Rondonópolis
início do conteúdo

TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA

Formação Profissional: Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistema
Nível: Superior
Modalidade: Presencial
Turno: Noturno
Duração: 3 anos (6 semestres)
Regime: Semestral

Perfil Profissional: O Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistema deve ser capaz de analisar, projetar, documentar, testar, implantar e manter sistemas computacionais de informações trabalhando com equipamentos na área da computação; construir ou adequar projetos computacionais com qualidade, usabilidade, robustez, integridade e segurança; e, posicionar-se de forma crítica e eticamente frente às inovações tecnológicas, avaliando seu impacto no desenvolvimento e na construção da sociedade.

Campo de Atuação: O profissional pode atuar no mercado como profissional liberal, junto às indústrias, prestadoras de serviços, consultorias, empresas públicas e estatais e empresas de informática. Destacam-se, dentre as possibilidades, a atuação como: gerente de tecnologia de informação, analista de sistemas, programador, webdesigner, webmaster, administrador de redes, administrador de banco de dados, analista de implantação e suporte, gerente de projetos, consultor na área de tecnologias e sistemas de informação, entre outras áreas.

Coordenador do Curso: Prof. Carlos Gracioli Neto
E-mail: tads@roo.ifmt.edu.br
Telefone: 66 3427-2308
Site: http://tads.roo.ifmt.edu.br/

Arquivos Relacionados
Projeto Pedagógico do Curso - PPC  ​2013-20172018
Planos de Ensino 2018

Título/Grau conferido: Tecnólogo(a) em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

QUESTIONAMENTOS COMUNS:

1. O curso Superior de Tecnologia é inferior a um curso de Bacharelado?
R - De acordo com a Resolução CNE/CP nº 3/2002, Art. 4º, os cursos superiores de tecnologia são cursos de graduação, com características especiais, e obedecerão às diretrizes contidas no Parecer CNE/CES 436/2001 e conduzirão à obtenção de diploma de tecnólogo, sendo assim, equivalente a um curso de bacharelado.

2. O Diploma do Tecnólogo vale para concursos públicos ou pós-graduação (Especialização, Mestrado ou Doutorado)?
R - Sim. O diploma de graduação dos tecnólogos tem validade para participação de candidatos em concursos públicos de nível superior, em cursos de pós-graduação. A garantia é da área de regulação da educação profissional do Ministério da Educação.

3. Qual a duração do curso? Posso transferir meu curso de uma Instituição de Ensino Superior Particular para esse curso?
R - O Curso de TADS tem duração de 3 anos (6 semestres). A transferência é feita por Editais, publicados no site do IFMT - Campus Rondonópolis. Para participar do processo seletivo, o candidato deverá: ser oriundo de curso afim (Contabilidade, Administração, Matemática, Sistemas de Informação, Ciências da Computação...), autorizado e/ou reconhecido pelo MEC; estar regularmente matriculado na Instituição de Ensino Superior de origem; e ter sido aprovado em disciplinas que correspondam a, no mínimo, 60% (sessenta) por cento da carga horária do primeiro período do curso. Ainda conforme a Organização Didática, é vedada a transferência externa para o primeiro período letivo. A quantidade de vagas ofertadas é determinada em cada edital aberto.

4. Sou formado em um Curso Superior. Como faço para entrar no curso em TADS?
R - A entrada de alunos diplomados ocorre por editais publicados no site do IFMT - Campus Rondonópolis. O curso no qual o aluno possui o diploma necessita ter características parecidas com o curso de TADS. A documentação necessária é especificada no edital para inscrição. O IFMT - Campus Rondonópolis realiza, anualmente, 2 (dois) editais de seleção para alunos diplomados e de transferência externa. As datas são previstas no calendário acadêmico de cursos semestrais.

5. Estou passando por dificuldades e preciso trancar o curso? Quais os procedimentos?
R - O trancamento de matricula só é possível a partir do 2º semestre do curso. Mesmo tendo realizada a matricula, o aluno precisa efetuar a rematrícula, de acordo com as datas estipuladas no Calendário Acadêmico, em cada troca de semestre de sua turma, evitando assim, a perda de vínculo. O trancamento é feito através de um pedido formal no Registro Escolar da instituição, onde será feita a abertura de processo e o aluno deve estar sem nenhuma pendência documental nos setor do campus (Biblioteca, Coordenação do Curso, Registro Escolar, Coordenação de Pesquisa e Extensão).

 

início do rodapé

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso - Campus Rondonópolis

Rua Ananias Martins de Souza, 861 - CEP: 78721-520

Telefone do Gabinete: (66) 3427-2300 - Telefone da Secretaria Escolar: (66) 3427-2305

Rondonópolis/MT